quinta-feira, 15 abril(38)99114-1908

Atitude cidadã vira exemplo

Moradores do São Judas, em MOC, celebram 2 anos de recuperação de jardim

image 10UNIÃO – Comunidade transforma espaço em lugar aprazível, que pode ser desfrutado por todos

 Manter um lugar limpo requer a colaboração de todos que o frequentam. Isso pode ser dentro de casa, no trabalho ou na rua. Quando não se tem cooperação, a tendência é de que as consequências interfiram diretamente na vida de todos os envolvidos.

Por décadas, Gilberto Bertolino, hoje aposentado, sofreu com o lixo na porta de casa, no bairro São Judas. O espaço de segurança que cerca a linha férrea que corta a cidade era “ideal” para que moradores da redondeza descartassem lixo de todo o tipo. Segundo Gilberto, até bicho morto era jogado a poucos metros do portão da casa. A consequência eram animais e doenças.

“Pegue e guardei, por muito tempo, em vidro, mais de centenas de escorpiões. Barata tinha por todo o lado e ainda lidávamos com a ameaçado do mosquito da dengue”, fala Gilberto, recordando os anos de mau cheiro, bichos peçonhentos e doenças causadas pelo descarte irregular de lixo.

Para enfrentar o problema, foi preciso usar criatividade. Em março de 2018, junto à comunidade, Gilberto iniciou a revitalização do local. Outros moradores arregaçaram as mangas e limparam o entorno. Pouco a pouco, doações chegaram e foi-se formando o Jardim São Judas, que leva o nome do bairro. Com a ajuda de empresas e parceiros, o jardim foi ganhando cores e vida. As árvores, plantadas há décadas, já faziam sombra necessária para fazer do Jardim São Judas um lugar especial.

Gilberto admite que o jardim não eliminou todos os problemas, mas amenizou. Hora ou outra, segundo ele, frequentadores deixam garrafas e saquinhos jogados, mas no fim de semana sempre tem algum morador para ajudar na limpeza. Para manter o local organizado, fazer vaquinha e pedir auxílio, eles contam com um grupo no WhatsApp.

“Até escola traz crianças aqui para ver o trabalho que foi realizado. Foi bom não apenas para a gente aqui da rua, mas para todos da região”, avalia Gilberto, que viu um pequeno projeto virar exemplo para a cidade.

NOVO ESPAÇO

Cerca de 200 metros à frente, a história se repete. Para evitar acúmulo de lixo, moradores também cercaram o lugar com pneus. Diferentemente do Jardim São Judas, o novo espaço ainda não tem nome nem grandes árvores, mas nunca é tarde para começar.

Dia da Limpeza mobiliza MOC 

O mês de setembro tem diversas datas comemorativas voltadas para a causa ambiental. Amanhã, por exemplo, é o Dia Mundial da Limpeza (World Cleanup Day). Em todo o mundo, acontecem ações que visam promover a mobilização de voluntários para a limpeza de suas cidades ou região em que estão inseridos. Ao todo, são pelo menos 157 países mobilizados para 24 horas de limpeza.

Em Montes Claros, a ação acontece pelo segundo ano consecutivo e em três lugares ao mesmo tempo. Das 8h às 12, grupos de voluntários estarão empenhados em retirar o lixo de pontos do Parque dos Mangues, Lagoa do Interlagos e Distrito Industrial.

VOLUNTÁRIOS  

Pelo menos 150 voluntários estarão na lagoa para fazer a limpeza fora e dentro, com a ajuda de barcos do Corpo de Bombeiros e da Polícia do Meio Ambiente.

No Distrito Industrial, as indústrias também vão ajudar na limpeza de pontos estratégicos. Já no Parque dos Mangues, acontecerá ainda o plantio de mudas.

De acordo com o engenheiro ambiental André Lopes, um dos organizadores da ação na cidade, ao todo, cerca de 220 voluntários são esperados neste ano. Para participar, basta ir a um dos locais.

“Queremos mostrar para a população que devemos fazer a nossa parte para deixar a cidade mais limpa. Acreditamos que a gestão de resíduos sólidos tem que ser compartilhada”, afirma o engenheiro ambiental.

André Lopes lembra que na primeira edição foram recolhidas duas toneladas de material. Neste ano, a expectativa é de dobrar esse número.

“Todo material terá destinação correta. Contamos ainda com a presença de duas associações de catadores, que vão recolher o material reciclado”, disse André Lopes. Outras informações pelo telefone (38) 98827-5421.

Fonte: onorte.net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *