Só em Montes Claros, 250 policiais participaram, ontem, durante 24 horas, de ação comandada pela 11ª Região da Polícia Militar de Minas Gerais, nomeada de “Operação Minas Segura, Repressão Qualificada”.

A manobra policial, que termina hoje, objetiva reduzir a incidência criminal e englobou outros 76 municípios do Norte de Minas, alicerçada nas áreas que a integram: 10º BPM, 50º BPM e 11ª Cia PM Independente, sediadas em Montes Claros; 30º BPM (Januária) e 51º BPM (Janaúba); 2ª Cia (Taiobeiras); e 13ª Cia PM (São Francisco).

De acordo com a PM, armas, munições e drogas foram apreendidas em toda a região. O balanço final será apresentado hoje, após o término da operação.

Sob a alegação de “propiciar à comunidade a presença real da Polícia Militar no contexto da Segurança Pública, tendo como alvo principalmente autores de crimes violentos”, desde as primeiras horas da manhã, foi intensa a movimentação de viaturas, com blitze tanto na área central como, principalmente, em aglomerados da periferia, em territórios que a corporação classifica como “zonas quentes de criminalidade”.

VEÍCULOS
Na abordagens, além da intenção de prevenir a ocorrência de vários crimes, o comando da Polícia Militar disse que esteve na alça de mira – o tempo inteiro – a retirada de circulação veículos que possam ser utilizados nas práticas criminosas e que, do mesmo modo, estejam em desacordo com a legislação de trânsito, de forma a oferecer tranquilidade à comunidade ordeira, com a consequente preservação da ordem pública e a segurança das pessoas e do patrimônio.

Fonte: onorte.net