domingo, 23 fevereiro(38)99114-1908

São Francisco receberá 10.828 barraginhas neste ano

14/02/2020 – 15h15

A Bacia Hidrográfica do São Francisco contará com 10.828 barraginhas de captação de água de chuva a serem construídas nesse ano, construção de 724 quilômetros de terraços, adequação ambiental de 135 quilômetros de estradas e mais R$9 milhões de obras em licitação, para serem executados no  Programa de Revitalização de Sub-bacias do Rio São Francisco, conforme anúncio realizado pelo Governo. Na quarta-feira, o  governador Romeu Zema entregou na Cidade Administrativa, em Belo Horizonte, 18 veículos para esse programa.  Em campo, os veículos circularão no apoio à execução de ações de mobilização e orientação dos produtores rurais, no trabalho de marcação, fiscalização e medições das obras de revitalização. Para a próxima etapa do programa estão previstas obras em 34 sub-bacias distribuídas em 33 municípios.

Na avaliação da secretária de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Ana Valentini, o programa é uma demonstração de uma política de continuidade. “Temos um problema no nosso país de políticas que não têm continuidade. Este é um programa que, além de todos os benefícios que ele traz, esperamos avançar para outras bacias”, explicou. Ainda de acordo com a titular da pasta, além de nascer em Minas Gerais, no município de São Roque de Minas, o “Velho Chico” tem 70% de seu volume de água dentro do território mineiro. “Por isso que este trabalho de revitalização é tão importante, não só para Minas, mas para todos os estados da Federação que se beneficiam dessa água”, alertou.

O governador Romeu Zema enfatizou que não é necessária nenhuma tecnologia revolucionária para fazer as coisas darem certo. “Às vezes, pensamos em tecnologia e achamos que são necessários cientistas e centros de pesquisas. tecnologia e, muitas vezes, é só querer fazer”, explicou, referindo-se às barraginhas, terraços e às proteções de nascentes, técnicas e medidas utilizadas no programa. Zema destacou também a importância do fortalecimento do agronegócio no estado. “Minas precisa muito do agronegócio. Dependemos da mineração, mas o agronegócio tem avançado a passos rápidos e de forma diversificada. Não somos mais só o estado do leite, do pasto e do gado. Estamos nos transformando em produtores relevantes, por exemplo, de etanol. Podemos sair do terceiro para o segundo lugar”, afirmou. O governador ainda citou culturas importantes, como os grãos, e setores da fruticultura, açúcar, produtos de base florestal e outros.

Na ocasião, o superintendente da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e Parnaíba (Codevasf), Marco Antônio Graça Câmara, parabenizou o governador pela parceria estabelecida entre o Governo de Minas e a Codevasf na revitalização do rio. “Visitei algumas regiões contempladas pelo programa e vi o bem que está fazendo para os municípios. A gente sabe que os recursos estão escassos, mas para bons projetos nunca faltam recursos”, afirmou.   Iniciado em 2008, o programa é fruto da parceria entre o Governo de Minas, por meio da Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa) e da Emater-MG, e a União, por meio da Codevasf. O programa conta com investimento total de R$50 milhões – repasse de 90% do governo federal e 10% do governo estadual – para aplicação em ações de conservação de solo e água na porção mineira da bacia do Rio São Francisco.

No ano de 2019 o  Programa de Revitalização de Sub-bacias do Rio São Francisco atendeu 26 municípios, com   R$3.937.048,77 investidos; 514 propriedades atendidas, beneficiando 2.056 produtores rurais; Construção de 5.801 bacias de captação de água de chuva (barraginhas); Construção de 350 quilômetros de terraços; Adequação ambiental de 37 quilômetros de estradas vicinais; Proteção de 38 nascentes; Proteção de 2,5 quilômetros de matas ciliares e de topo de morro; aquisição de 17 veículos e de 24 computadores.

Fonte: gazetanortemineira.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Conteúdo não pode ser reproduzido sem permissão do Administrador