domingo, 25 julho(38)99114-1908

Superintendências da Caixa passarão por reestruturação e unidade em Montes Claros pode ser fechada

A ação prevê mudanças no Norte de Minas e com vínculo funcional ligado a Governador Valadares.

06/02/2020 -11h42

m m 17

Em processo de reestruturação, a Caixa Econômica Federal (CEF) passará por mudanças para diminuir gastos operacionais. Superintendências em Minas gerais também terão alteração. A decisão fez o deputado e delegado, Marcelo Freitas, enviar na última semana um ofício ao presidente da Caixa, Pedro Duarte Guimarães e ao Ministro da Economia, Paulo Guedes, solicitando a não redução das unidades.

Com o término das atividades, principalmente a referida no Norte de Minas, o deputado alega que haverá dificuldades para os usuários da região. “Avaliamos que o fechamento da CEF irá gerar um caos na estrutura de produção da Região do Norte de Minas, haja vista sua suma importância para o crescimento e desenvolvimento da região, principalmente no fomento ao crédito e apoio à população com alto índice de pobreza”, diz.

De acordo com ele, em todo o estado de Minas Gerais, são oito superintendências regionais, com duas em Belo Horizonte, Juiz de Fora (1), Divinópolis (1), Poços de Caldas (1), Triângulo Mineiro (1), Governador Valadares (1) e Montes Claros (1).

No documento enviado no dia 28 de janeiro, Marcelo Freitas conta que é contrário à proposta de vinculação funcional com a unidade de Governador Valadares, sendo que a distância entre as cidades é de aproximadamente 500 quilômetros, com 10 horas de viagem.

Consta no ofício, inclusive, que a Superintendência da Caixa, em Montes Claros, atende cerca de 200 municípios e o acesso é feito por vias não pavimentadas.

O que diz Caixa

Em nota, a Caixa informou que está ampliando a presença em todas as regiões do país para melhor atender a seus clientes, governos, cidadãos, e fortalecer todo o relacionamento institucional do banco. Dessa forma, foram criadas 431 Superintendências de Rede, Varejo, Governo e de Habitação, com o objetivo de realizar uma gestão da rede que assegure o padrão e a qualidade de negócios e atendimento para todos os nossos clientes.

A nova estrutura integra o planejamento de 2020 para a área de Varejo do banco envolve ainda novos modelos de negócios, otimização de processos e implementação de soluções tecnológicas. A instituição informou ainda, que o novo modelo também aumenta o número de gerentes e assistentes em mais de 6300 postos nas agências de todas as regiões do país.

Com a nova estrutura, a CAIXA terá, ao todo, mais de 500 superintendências nos estados e municípios. Somente em Minas Gerais serão 50 superintendências, sendo que, em Montes Claros, a  CAIXA contará com uma Superintendência Executiva de Varejo, além de três agências, 24 lotéricos e 28 correspondentes CAIXA Aqui para atendimento à população.

Fonte: webterra.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *