segunda-feira, 18 novembro(38)99114-1908

Política

Americano ajuda na revitalização da hidrovia do São Francisco

Americano ajuda na revitalização da hidrovia do São Francisco

14/11/2019 - 16h33 Foto: Gileno Alencar Uma equipe técnica formada por norte-americanos está ajudando nos estudos sobre o retorno da navegação comercial na Hidrovia do rio São Francisco. Um membro do Exército dos Estados Unidos participou da audiência realizada em Brasília na Comissão de Viação e Transportes da Câmara dos Deputados. A viabilidade econômica da reativação da hidrovia do São Francisco foi confirmada por especialistas. Dados apresentados durante a audiência pública mostram que uma barcaça, por exemplo, poderia levar 900 toneladas de carga; quantidade que se transportada por terra, exigiria 35 carretas. A viabilidade ambiental também foi confirmada pelos debatedores: a emissão de poluentes é quatro vezes maior nas rodovias do que nas hidrovias. Os representantes de vários
Promotor pede conselheiros para atuarem em rede regional

Promotor pede conselheiros para atuarem em rede regional

13/11/2019 - 16h58 Foto: Gileno Alencar O promotor Daniel Librelon Pimenta, da Coordenadoria Regional das Promotorias de Justiça de Defesa da Educação e dos Direitos das Crianças e Adolescentes do Norte de Minas, fez um apelo aos conselheiros tutelares da região para trabalharem em rede em prol dessa causa, pois afirma que “eles terão problemas espinhosos pela frente e somente com a união poderão se fortalecer”. Ele participou da abertura da quinta capacitação de Conselheiros Tutelares do Norte de Minas, realizada no auditório da Associação dos Municípios da Área Mineira da Sudene (AMAMS). Somente Montes Claros não participou da capacitação, pois ainda não foram definidos quais são os 15 conselheiros eleitos. A coordenadora do Departamento de Políticas Públicas da AMAMS, Laila Tatiane
AMM marca mobilização para dia 25 e vereadores apoiam a luta

AMM marca mobilização para dia 25 e vereadores apoiam a luta

13/11/2019 - 16h56 A Associação Mineira de Municípios acatou apelo dos prefeitos da região Norte, Central e Vale do Jequitinhonha e marcou para dia 25 de novembro em Belo Horizonte o protesto de todos prefeitos mineiros contra a PEC 188/2019 do Governo Federal que propôs a extinção dos municípios com menos de 5.000 habitantes e com menos de 10% de arrecadação das suas despesas. O prefeito José Barbosa Zinga, de Catuti, diretor regional da AMM explica que na noite de segunda-feira fez relatório ao presidente Julvan Lacerda da reunião realizada em Montes Claros, onde foi deliberada essa mobilização estadual e federal. Os dados mostram que 32 municípios da área mineira da Sudene correm risco de serem extintos. Os prefeitos tomaram a iniciativa de acionarem os deputados federais e se
Extinção de cidades mobiliza prefeituras

Extinção de cidades mobiliza prefeituras

Amams e Avams reúnem representantes de 32 municípios contra PEC do Pacto Federativo 12/11/2019 - 16h41 Representantes de 32 municípios do Norte, Jequitinhonha e Região Central de Minas vão elaborar documento a ser entregue a senadores  Representantes de 32 cidades do Norte de Minas, Jequitinhonha e Região Central de Minas decidiram, reunidos em Montes Claros, elaborar um documento com ponderações sobre a chamada PEC do Pacto Federativo, na qual o governo federal defende a fusão de municípios com menos de 5 mil habitantes e arrecadação própria inferior a 10% da receita total. A intenção é encaminhar o documento a senadores mineiros. Tanto a Associação dos Municípios da Área Mineira da Sudene (Amams) quanto a Associação de Câmaras e Vereadores da Área Mineira da Sudene
Justiça expede alvará de soltura, e Lula ganhará a liberdade

Justiça expede alvará de soltura, e Lula ganhará a liberdade

Ainda não se sabe o horário que o ex-presidente será solto 08/11/2019 - 16h42 Lula deixou a sede da Polícia Federal nesta sexta-feira O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva deverá ser solto nesta sexta-feira (8) após ficar preso um ano e sete meses na sede de Polícia Federal de Curitiba, no Paraná. O petista deve ganhar a liberdade após seus defensores alegarem que a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), que derrubou nessa quinta-feira (7) a possibilidade execução provisória da pena após condenação em segunda instância, é de conhecimento público e, por isso, solicitaram o alvará de soltura. Fonte: otempo.com.br
Município resiste à vacinação de cães

Município resiste à vacinação de cães

PL propõe que vacina contra leishmaniose seja obrigatória em MOC, mas prefeitura discorda 08/11/2019 - 16h06 Protetores de animais e outros interessados vão a Audiência Pública sobre a vacina O combate à leishmaniose é responsabilidade de todos. Essa é a opinião dos participantes da Audiência Pública proposta pelo vereador Fábio Neves (PSB), realizada nesta semana, que antecede a entrada do Projeto de Lei n° 88/2019 na pauta de votações da Casa. O PL propõe a obrigatoriedade do fornecimento da vacina contra a leishmaniose para cães, como forma de controle da doença. De acordo com a veterinária do município Marisa Fonseca, a equipe da leishmaniose do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) é “um pequeno grande exército”, que realiza em torno de 12 mil exames anualmente.
Rodrigo Pacheco indica R$ 50 mi para Jequitaí

Rodrigo Pacheco indica R$ 50 mi para Jequitaí

Retomada de obra de barragem deve aquecer economia do Norte de Minas 07/11/2019 - 16h40 Rodrigo Pacheco acredita que obras da Barragem de Jequitaí sejam retomadas em 2020  A Barragem de Jequitaí, sonho do Norte de Minas, está em vias de receber aporte financeiro da União. O senador Rodrigo Pacheco, líder do Democratas (DEM) no Senado, indicou emenda de R$ 50 milhões a serem investidos na retomada da obra. A Comissão de Serviços de Infraestrutura aprovou a indicação ao Orçamento Geral da União. “Isso é fruto do nosso trabalho, da reunião que fizemos em Montes Claros, das conversas com o ministro do Desenvolvimento Regional, Gustavo Canuto, das conversas com o líder do Governo no Senado, Fernando Bezerra, e com o presidente do Senado, Davi Alcolumbre, todos imbuídos no
Secretário do Governo de MG diz que 13º dos servidores pode ficar para 2020

Secretário do Governo de MG diz que 13º dos servidores pode ficar para 2020

Segundo o secretário do Estado de Planejamento e Gestão, Otto Levy, Minas não tem como quitar o débito caso projeto não seja aprovado até o dia 14 de novembro 07/11/2019 - 14h32 Otto Levy se diz confiante na tramitação — Foto: Douglas Magno O pagamento do 13º do funcionalismo público pode ficar para o ano que vem. Se o projeto que permite antecipar recursos do Nióbio no Estado, encaminhado pelo governo à Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), não for aprovado até o dia 14 de novembro, Minas não terá como quitar o direito, segundo o secretário do Estado de Planejamento e Gestão, Otto Levy. "Espero que seja aprovado até a data, precisamos de quatro semanas após a aprovação para fazer a operação (de pagamento). Talvez fique para o ano que vem", afirmou o secr
Estado propõe diálogo com os ruralistas em Montes Claros

Estado propõe diálogo com os ruralistas em Montes Claros

06/11/2019 - 16h50 Foto: Gileno Alencar Os produtores rurais do Norte de Minas poderão esclarecer as suas dúvidas sobre os assuntos de meio ambiente e agropecuária, no programa “Diálogos com o Produtor Rural”, que será realizado amanhã em Montes Claros, para esclarecer as dúvidas dos trabalhadores do campo. A iniciativa é desenvolvida pelo Sistema Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Sisema) e foi lançada em setembro deste ano pelo governador Romeu Zema. O evento começará às 9h, no Parque de Exposições João Alencar Ataíde. Na ocasião, produtores rurais e qualquer cidadão que participar poderão tirar dúvidas relacionadas à regularização, outorga de uso da água, pedidos de intervenção ambiental, entre outras questões, além de ter acesso a informações sobre o setor produtivo e o a
Vereadores aprovaram e foguetes serão proibidos em Moc

Vereadores aprovaram e foguetes serão proibidos em Moc

06/11/2019 - 16h43 Foto: Gileno Alencar A cidade de Montes Claros decidiu proibir que sejam estourados foguetes, conforme projeto aprovado ontem de manhã, pela Câmara Municipal, com apenas o voto contrário do vereador Ildeu Maia. Depois de três sessões onde os protetores de animais fizeram protestos, cobrando a aprovação do projeto, os vereadores demoraram apenas 13 minutos de discussões e aprovação. Uma emenda do vereador Fábio Neves, autor do projeto, retirou a palavra manuseio, que na visão do vereador Rodrigo Maia, impediria que os veículos carregados com foguetes fossem descarregados na cidade. Na mesma sessão, os vereadores demoraram quatro minutos para aprovarem o projeto que concede a placa Candido Canela a cantora adolescente Pollyana Caires. A reunião teve momento de tensão,
error: Conteúdo não pode ser reproduzido sem permissão do Administrador